25 de fev de 2010

"PARCÃES" NO RIO DE JANEIRO

Áreas exclusivas ficariam no Arpoador, Ipanema e Leblon.

Bichos seriam responsáveis por contaminação de areias.




A Secretaria municipal do Meio Ambiente do Rio vai instalar três parques exclusivos para cachorros na Zona Sul do Rio. A medida visa diminuir o nível considerado alto de coliformes fecais encontrado na areia em trechos da orla. O modelo do chamado "parCão" é o mesmo do que já existe na Lagoa, também Zona Sul carioca.



A secretaria informou que os parques serão instalados no Arpoador, Ipanema e Leblon, locais onde mais são vistos cães na areia.
A prefeitura publicou no Diário Oficial do dia 22 um relatório com a situação das areias da orla carioca. O boletim mapeia a sujeira em 35 praias e aponta como principais vilões da limpeza as fezes de cachorro e restos de comida.
Uma das praias preferidas pelos cariocas, Ipanema continua não recomendada nos trechos do Arpoador e na altura da Rua Maria Quitéria, com taxas de coliformes totais acima 30 mil por 100 g. Já na altura da Praia do Diabo, a areia encontra-se, segundo a prefeitura, boa, com coliformes entre 10 e 20 mil / 100g.


O proejto "parCão" está sendo estudado por um grupo formado por técnicos da secretaria e da Fundação Parques e Jardins. O grupo se reúne semanalmente para discutir todas as medidas que precisam ser tomadas para a instalação dos parques, e decidir quais serão os locais, dimensões e horário de funcionamento.

As amostras para as análises do boletim de avaliação das areias foram colhidas entre os dias 24 de janeiro a 8 de fevereiro. A coleta foi feita antes das 9h, em trecho não banhado pela água, e analisada por laboratório que presta serviços à prefeitura.



Fonte: G1



Nenhum comentário: