19 de mai de 2010

O MINISTÉRIO DA SAÚDE DAS AVES INFORMA:


FURTAR CIGARROS DE TURISTAS NÃO FAZ MAL À SAÚDE DELES


Corvos gatunos racham o bico com cigarrinhos

Aves furtaram um maço de turistas ingleses em resort para dar uma relaxada



O casal Tony e Judie Ellis, de Crowborough, do sul da Inglaterra, foi passar as férias nas ilhas Maldivas, que ficam no oceano Índico, ao sudoeste da Índia. Voltou com uma história de furto alado para contar.
Os britânicos estavam curtindo a folga num resort quando foram atacados por três corvos.
As aves não machucaram os Ellis, mas levaram um maço de cigarros no maior descaro.
Para registrar o caso, os Ellis e Judie fotografaram os corvos gatunos.

 
O casal de Crowborough lembrando que crow é corvo em inglês, o que gerou ainda mais piadinhas entre os amigos deles estava descansando na varanda do quarto quando viu uma ave pousar na mesa. Judie, de 53 anos, rapidamente sacou sua câmera para ver o que o bicho faria.
De repente, chegaram mais dois. Pareciam que iriam levar alguns pedaços de pão sobre a mesa. Acabaram carregando o maço inteiro, para espanto dos ingleses.

 

Acomodaram-se no telhado de um quarto vizinho e sacaram as unidades. Pareciam conhecer bem o produto.
 Como não tinham fogo e quem pudesse acender, brincaram um pouco com o fumo e deixaram de lado.
O casal contou a funcionários do hotel sobre o caso dos corvos fumantes. Ficaram sabendo que as aves são meio malandras e adoram afanar objetos.
Na mesma semana, uma delas tomou posse de um sanduíche de outro turista. Judie ficou surpresa, mas achou graça na atuação dos corvos.
- Nós já estivemos quatro vezes nas Maldivas e nunca vimos nada igual. Não sabia que corvos gostavam tanto assim de cigarros. Se a gente botasse fogo, acho que fumavam.

Pode ser. Mas há indícios de que os corvos só queriam tirar um sarro com a cara dos ingleses e rachar o bico.












Nenhum comentário: