6 de abr de 2010

HOMEM PROCESSA PET SHOP

Um homem decidiu abrir um processo de US$ 1 milhão (cerca de R$ 1,7 milhão) contra um pet shop nos Estados Unidos depois de escorregar em um cocô de cachorro.


Robert Holloway, de Poquoson, na Virgínia, argumenta que sofreu uma dura queda ao cair sobre uma pilha de fezes que estava no corredor da loja.
Além ficar com as costas doloridas, ele alega ter batido a cabeça no chão e perdido quatro dentes.

 
O americano, que queria comprar sementes de aves e alimentos para seus cães, acusa o gerente e empregados da PetSmart do município de Newport News de não criar um ambiente seguro para os clientes.

 
A loja apresentou uma resposta inicial afirmando que não houve negligência.
De acordo com uma porta-voz da empresa, fezes fazem parte da vida em uma loja de animais.
"Eles são animais. Há e sempre vai haver acidentes", disse. A empresa não comentou sobre o processo.
 
 
 
 
Fonte: Virgula



 



Nenhum comentário: